A Mais Bela Melodia de Carol Teles

234

A mais bela melodia é aquele livro que tem sua melodia própria. Ele te faz sorrir, chorar, torcer pra tudo dar certo e te joga num abismo de sentimentos junto com os personagens.

Sinopse

Klaus é o melhor músico que Esperança já viu. Lorena é uma ativista ambiental que não tem papas na língua. Ele é filho de um delegado que tem problemas para demonstrar sentimentos. Ela é a filha de um pastor ortodoxo. Ambos vivem dentro de redomas para evitar se machucar. E é aí que um acontece na vida do outro. Colocando-os juntos no lugar errado, na hora errada, e fazendo com que eles paguem o preço disso juntos. E a vida deles mudará completamente depois desse encontro.


Link: Skoob | Comprar: Amazon

Resenha

Vou falar uma coisa para vocês, já tem uns 5 anos que conheço Carol, acompanho o trabalho dela como blogueira literária, apresento eventos junto com ela e conversamos muito sobre literatura. Sempre soube do talento dela como escritora e tentei por diversas vezes encaixar nas minhas leituras A Mais Bela Melodia, mas só agora (depois de alguns anos) consegui. Eu já esperava gostar do livro, afinal, nós duas temos gostos bem parecidos. O que eu não esperava era me deparar com uma história tão dolorida e maravilhosa quanto essa.

Confesso que tinha um certo receio por ser um jovem adulto (esse não é meu gênero predileto) e o dramalhão adolescente ser bem irritante. Esperava adolescentes com problemas “bobos” que me fariam revirar os olhos de raiva, mas quando comecei a passar as folhas (virtuais) do livro, senti meu coração ser despedaçado por diversas vezes. Os problemas na vida de Lorena e Klaus (e de Adônis por tabela) não tem nada de bobo.

Sabe novela mexicana? Já viu que a coitada da mocinha parece atrair desgraça pra sua vida? Essa poderia ser sem sombra de dúvidas, Lorena. Quantas vezes eu senti vontade de colocar essa menina no colo e protegê-la das loucuras do pai lunático dela!

Para que você entenda o dramalhão: Lorena é uma adolescente de 16 anos, filha do pastor da cidade (um homem asqueroso que é o retrato da hipocrisia), com uma mãe submissa (no sentido errado da submissão bíblica) e um irmão mais velho que foi expulso de casa, deixando-a sozinha com toda carga que isso traria. A vida dessa garota não é nada fácil dentro de casa e isso fez com que ela se tornasse a filha “rebelde”. Lorena é super inteligente, quer ser jornalista e virou ativista, lutando pelo meio ambiente e animais. Ela afasta as pessoas para se defender, tratando todos com muita grosseria. Tudo mudou em sua vida depois de quase morrer em um incêndio e ser salva por Klaus.

Klaus tem 18 anos, é o melhor músico de Esperança, filho do delegado e sempre está disposto a ajudar pessoas. Não importa muito se essas pessoas são legais ou não. O garoto tem seus traumas e sofre com um pai que foi obrigado a criá-lo sozinho depois que a mãe os abandonou e nunca soube como lidar bem com a situação. Um pai ausente, a dor de ser abandonado pela mãe, fez com que Klaus se agarrasse à música e ao seu melhor amigo, Adônis. 

Ambos viram suas vidas mudar depois do incêndio e Lorena entrou como um furacão na vida de todos os integrantes do grupo de música do colégio.

O livro é uma verdadeira montanha russa de emoções. Conhecemos esses adolescentes a cada capítulo, e nos apaixonamos por eles. Eu senti muita raiva das atitudes dos pais de Lorena e Klaus. Tive vontade de socar a cara do pastor diversas vezes, mas também consegui “compreender” as atitudes dele. O que não ocorreu com o delegado… É lindo de ver a interação do trio Klaus-Lorena-Adônis. 

Meu coração se espatifou em pedacinhos por diversas vezes. A narrativa de Carol é muito intensa e a carga emocional do livro é tão densa que dá pra cortar em fatias finas com uma faca. Em alguns momentos senti falta de ar e precisei pausar um pouco a leitura para respirar. A trama é tão envolvente que somos jogados de um lado para o outro, junto com os personagens. A narrativa em primeira pessoa, alternada nas visões de Klaus e Lorena, contribui muito para essa aproximação com os protagonistas.

Engana-se quem acredita que a história é só dos dois. Como um plano de fundo, acompanhamos a vida dos outros personagens e nos envolvemos com eles da mesma forma.

A mais bela melodia é aquele livro que tem sua melodia própria. Ele te faz sorrir, chorar, torcer pra tudo dar certo e te joga num abismo de sentimentos junto com os personagens. Esse é o primeiro livro da trilogia e terminei a leitura com vontade de matar a Carol pela forma como ela terminou essa história. Só sei que quero a continuação e que você PRECISA ler pra ontem!

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

5 Drama

A mais bela melodia é aquele livro que tem sua melodia própria. Ele te faz sorrir, chorar, torcer pra tudo dar certo e te joga num abismo de sentimentos junto com os personagens.

About The Author

Escritora, Geek, amante dos livros, youtuber, apaixonada por animais e não larga uma xícara de café.