As 5 Linguagens do Amor de Gary Chapman

187

Nesta obra, Chapman fala sobre atos e atitudes que fazem a diferença na construção de um relacionamento que faz bem a ambos, onde se faz necessário compreender os cinco idiomas do amor e aprender a falar a primeira linguagem de seu cônjuge, mesmo que não seja o seu natural.

Sinopse

 

As diferenças gritantes no jeito de ser e de agir de homens e mulheres já não são novidade há tempos. O que continua sendo um dilema é como fazer dar certo uma relação entre duas pessoas que às vezes parecem ter vindo de planetas distintos. Compreender essas diferenças é parte da solução e é nisso que Gary Chapman vai ajudar você. Com mais de 30 anos de experiência no aconselhamento de casais, ele percebeu que cada um de nós adota uma linguagem pela qual damos e recebemos amor. Quando o casal não entende corretamente a linguagem predominante de cada um, a comunicação é afetada, impedindo que se sintam amados, aceitos e valorizados.
Nesta terceira edição de sua clássica obra sobre relacionamentos, que já vendeu mais de 8 milhões de exemplares, Gary Chapman não só explica as cinco linguagens como apresenta um questionário para os maridos e outro para as esposas descobrirem a sua linguagem de amor. Além disso, uma seção especial de perguntas e respostas vai esclarecer todas as suas dúvidas e lhe dar o direcionamento sobre como expressar melhor seu amor a seu cônjuge e ajudará você a compreender a forma dele manifestar o amor. Gary Chapman identificou cinco formas através das quais as pessoas expressam e recebem as manifestações de amor: palavras de afirmação; tempo de qualidade; presentes; atos de serviço; toque físico. Aprendam você e seu cônjuge, a se comunicar através dessas linguagens e experimentem como é ser realmente amado e compreendido.

Links: Skoob | Comprar: SaraivaSubmarinoCulturaAmazon

Resenha

Gary Chapman é um escritor e conselheiro de relacionamentos, mundialmente reconhecido pelo best-seller “As cinco linguagens do amor“, livro que é sucesso no mundo todo e já foi traduzido em mais de 40 idiomas.

As Cinco Linguagens do Amor fala sobre as várias formas de se demonstrar e entender o amor. O autor defende que, assim como possuímos uma primeira linguagem na linguística de idiomas, possuímos uma linguagem emocional (que ele chama de “linguagens do amor”). Chapman categoriza 5 formas mais gerais: Palavras de Afirmação, Qualidade de tempo, Receber Presentes, Formas de Servir e Toque Físico.

O livro é extremamente didático, com uma leitura leve através de relatos de experiência. Nesta obra, Chapman fala sobre atos e atitudes que fazem a diferença na construção de um relacionamento que faz bem a ambos, onde se faz necessário compreender os cinco idiomas do amor e aprender a falar a primeira linguagem de seu cônjuge, mesmo que não seja o seu natural (o que torna o ato de amor muito maior, pois exigirá seu esforço e dedicação). Contudo, essas linguagens do amor se estendem para além de casais, serve para qualquer relacionamento (inclusive possui um capítulo denominado “Os Filhos e as Linguagens do Amor” que serve como um guia para a criação de filhos). É uma leitura indispensável para quem busca a saúde emocional em seus relacionamentos. Definitivamente indico a todos os pais, filhos, casados e solteiros.

Se eu pudesse listar algumas mensagens enraizadas em meu coração, ficaria da seguinte forma:

  1. Sentir-se amado é a principal necessidade do ser humano. O casamento foi idealizado para suprir essa necessidade;
  2. Apaixonar-se não é amor verdadeiro. A paixão supre apenas temporariamente a carência emocional do amor;
  3. Os segredos de um casamento feliz também são instrumentos para uma boa vivência com os pais e com os filhos;
  4. Somente sinceridade não adianta, precisamos aprender a falar a primeira linguagem do outro, se quisermos suprir-lhes sua necessidade emocional do amor;
  5. Amar é um compromisso. Amar é ato de escolha. O amor faz a diferença. O amor vale a pena.
Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

5 Autoajuda

Nesta obra, Chapman fala sobre atos e atitudes que fazem a diferença na construção de um relacionamento que faz bem a ambos, onde se faz necessário compreender os cinco idiomas do amor e aprender a falar a primeira linguagem de seu cônjuge, mesmo que não seja o seu natural.

About The Author

Professora de matemática e leitora apaixonada.