Dexter – A Mão esquerda de Deus de Jeff Lindsay (Resenha)

2346

Educado, atraente, charmoso, trabalhador, Dexter Morgan é um verdadeiro lobo em pele de cordeiro. Não há como não se apaixonar e torcer para este anti herói.

Sinopse

 

Dexter Morgan é um educado lobo vestido em pele de ovelha. Ele é atraente e charmoso, mas algo em seu passado fez com que se transformasse numa pessoa diferente. Dexter é um serial killer. Na verdade, é um assassino incomum que extermina apenas aqueles que merecem. Ao mesmo tempo, trabalha como perito da polícia de Miami… Em Dexter, a Mão Esquerda de Deus, o livro que deu origem à aclamada série de TV, o adorável matador depara-se com um concorrente de estilo semelhante ao seu, encanta-se e incomoda-se com ele, prevê seus passos… A escrita requintada de Jeff Lindsay nos faz mergulhar na mente de um dos personagens mais ambíguos da história da literatura de suspense. Nunca o macabro foi tratado com tanto refinamento e leveza. Dexter Morgan é uma obra-prima.

Link: Skoob | Comprar: SaraivaSubmarinoAmazon

Dexter: A mão esquerda de Deus

Devo dizer que primeiramente eu me apaixonei pelo Dexter Morgan interpretado pelo Michael C. Hall, na série de Tv intitulada Dexter, transmitida pelo canal Showtime de 2006 a 2013. Enquanto meu amor por Dexter crescia, eu descobri que a série que tanto amava era baseada em livros, fui correndo atrás! E olha, se você gostou da série de tv, vai se apaixonar ainda mais pelos livros!

Neste primeiro livro da série (sim, é uma série de livros para a minha alegria), somos apresentados ao charmoso Dexter Morgan: bom amigo, ótimo profissional (ele trabalha como perito forense de respingos de sangue para o departamento de homicídios de Miami), um namorado perfeito, um ótimo irmão, e acima de tudo, um excelente assassino!

Calma, calma. Dexter foi adotado ainda um bebê pelo policial Harry. Ainda jovem, Dexter já possuía um forte instinto assassino, e o Harry, percebendo o futuro inevitável para o filho, decidiu criar um código e treiná-lo. Este código impede que Dexter mate indiscriminadamente, ele procura eliminar apenas aqueles assassinos ou criminosos que a policia não conseguiu prender, seja por falta de provas, ou outra coisa. A primeira coisa que  Dexter faz é investigar minuciosamente a culpa da sua vítima, e após ter certeza absoluta ele a elimina.

“E eu não queria que os tiras pegassem todos os assassinos em série. Senão, qual ia ser meu hobby?”

Tudo seguia perfeitamente bem no mundo feliz do Dexter quando surge um novo serial killer na cidade: o assassino do caminhão de gelo. O único problema é: não tem sangue! Se não há sangue nas vítimas, não há trabalho para o nosso querido Dexter. Mas, além da ausência de sangue, este novo serial killer parece saber quem é o nosso protagonista, e, está determinado a divertir-se as custas dele.

“Juro pela minha vida que não entendi por que ela estava chorando, mas, como ensaiei muito como imitar seres humanos, sabia que eu tinha de consolá-la. Inclinei-me e coloquei o braço no ombro dela. “Rita, calma, calma.” A frase não tinha uma palavra de sinceridade, mas era aconselhada por muitos especialistas. E deu resultado.”

O que eu mais amei, e amo no personagem desde o primeiro momento que o vi é o seu sarcasmo. Dexter não possui sentimentos (ou pelo menos ele afirma que não, a verdade que ele é um psicopata, empatia não é mesmo seu forte), e ao longo das nós vamos acompanhando todos os seus artifícios para continuar vivendo em sociedade sem dar muitas mancadas.

“Qualquer pessoa pode ser atraente, se não se incomoda em fingir e dizer todas as coisas idiotas, óbvias e nauseantes que a consciência impede que a maioria diga. Felizmente, eu não tenho consciência. Por isso, digo tudo.”

Um livro inteligente e intrigante. A primeira temporada da série foi bem fiel ao livro, possuindo uma divergência no final. Admito, que particularmente, eu preferi o final do livro ao final da primeira temporada da série. Então se você já viu toda a série e acha que não terá surpresas, está muito enganado! Dê uma chance para essa leitura deliciosa e depois venha me dizer se Dexter é ou não é o antagonista mais charmoso da história.

Total 6 Votes
1

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Classificação
Enredo
Narrativa
Personagens
5 Policial

Educado, atraente, charmoso, trabalhador, Dexter Morgan é um verdadeiro lobo em pele de cordeiro. Não há como não se apaixonar e torcer para este anti herói.

About The Author

Acadêmica do curso de Sistemas de Informação – UESB. Blogueira, Beatlemaníaca, leitora compulsiva e cinéfila.