Sete Minutos Depois da Meia-Noite de Patrick Ness (Resenha)

280

Um livro tocante que fala sobre perdas, medo e solidão. Mas também fala sobre amor, coragem e superação.

Sinopse

Conor é um garoto de 13 anos e está com muitos problemas na vida.

A mãe dele está muito doente, passando por tratamentos rigorosos. Os colegas da escola agem como se ele fosse invisível, exceto por Harry e seus amigos que o provocam diariamente. A avó de Conor, que não é como as outras avós, está chegando para uma longa estadia. E, além do pesadelo terrível que o faz acordar em desespero todas as noites, às 00h07 ele recebe a visita de um monstro que conta histórias sem sentido.

O monstro vive na Terra há muito tempo, é grandioso e selvagem, mas Conor não teme a aparência dele. Na verdade, ele teme o que o monstro quer, uma coisa muito frágil e perigosa. O monstro quer a verdade.

Baseado na ideia de Siobhan Dowd, Sete minutos depois da meia-noite é um livro em que fantasia e realidade se misturam. Ele nos fala dos sentimentos de perda, medo e solidão e também da coragem e da compaixão necessárias para ultrapassá-los.

Link: Skoob | Comprar: SaraivaSubmarinoAmazon

Resenha

Quando falamos sobre livros voltados para o público jovem, logo imaginamos aqueles livros leves, com protagonistas crianças e que irão nos arrancar sorrisos e nos fazer recordar o quanto a vida era simples quando tínhamos aquela idade. Não se iluda, nem todo infantojuvenil é assim e confesso que eu não estava preparada para essa leitura.

Conor é um menino de 13 anos que está passando por uma situação muito difícil. Na verdade, várias situações difíceis. Seus pais se separaram e o pai casou novamente e foi morar muito longe dele, fazendo com que eles mal se vissem. Sua mãe está com câncer e vive muito debilitada por causa dos tratamentos a que é submetida. Tratamentos esses que não veem tendo êxito. Por conta da doença de sua mãe ele é alvo de bullying no colégio e o restante dos colegas praticamente não o enxergam. Sem contar o fato dele ser atormentado por um pesadelo e de ter um monstro (um teixo) em sua cola todos os dias para lhe contar histórias. Histórias sem sentido para ele, mas que fazem todo o sentido para nós.

Você não escreve sua vida com palavras, você escreve com ações. Não importa o que você pensa. Só importa o que você faz.

Situação que para um adulto já é difícil, para uma criança é algo quase que impensável. Mas nosso pequeno protagonista vem enfrentando tudo isso com muita coragem, esperança e determinação. Conor é um bom menino.

Quando falo que eu não estava preparada para essa leitura é pelo fato de ter vivido algo muito semelhante ao que Conor viveu com sua mãe. No decorrer da leitura minha mente foi levada de volta ao hospital, nos dias em que fiquei com minha mãe, também com um câncer e em estado terminal. Apesar do autor abordar o tema de uma forma mais leve, essa leitura, pra mim, foi complicada e chorei muito. Terminei o livro em prantos e levei um tempo para me acalmar. Claro que esse não vai ser o efeito gerado em todos os leitores, a não ser que tenham passado pela mesma situação recentemente, mas a narrativa emociona.

– Você pode ter a raiva que quiser. Não deixe que ninguém lhe diga o contrário. Nem sua avó, nem seu pai, nem ninguém. E, se você quiser quebrar as coisas, então, por Deus, quebre-as com vontade!

Sete Minutos Depois da Meia-Noite conta-nos uma história de superação, de coragem, de perdas irreparáveis e de como nessa vida tudo passa. De uma forma mais leve, somos apresentados a situações difíceis, mas o autor nos deixa a mensagem de que tudo pode ser superado, desde que queiramos seguir em frente.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

5 Fantasia

Um livro tocante que fala sobre perdas, medo e solidão. Mas também fala sobre amor, coragem e superação.

About The Author

Nerd, Geek, viciada em livros, youtuber, aspirante a jornalista, apaixonada por animais e nas horas vagas tenta ser engraçadinha.