Três Amores de Roberta Martins (Resenha)

232

Um livro que nos mostra como encontrar o amor e vivê-lo intensamente mesmo em meio às diferenças.

Sinopse

 

Caruso é um professor preso às lembranças de sua amada e luta por uma sociedade mais justa; Ângela, esposa de Caruso, trabalha como secretária numa escola pública, e vive o presente intensamente; Paty, filha do casal, busca realizar seu desejo de um mundo melhor.

A ligação que existe entre eles é eterna, capaz de juntar todas as diferenças e fazer delas a faísca para a chama do amor. No entanto, é necessário que haja alguma interferência, para que os olhares possam ser renovados, e que a importância do sentimento seja notória.

O suspense, desta história envolvente de amor e superação, acontece através do uso habilidoso de técnicas narrativas alternadas e marcado por fatos históricos atuais.

Link: Skoob | Comprar: SaraivaAmazon

Resenha

Alguns livros possuem o dom de me deixar sem palavras. Fico horas tentando escrever  e simplesmente não encontro palavras, apenas só consigo sentir. Três Amores faz parte dessa categoria de livros… daqueles que fica difícil colocar no papel toda carga de emoções que a leitura me proporcionou.

Não, ele não é um livro denso ou intenso demais. Pelo contrário, ele é leve e gostoso de ler. Prende e envolve o leitor, mas o grande x da questão  é que ele te faz pensar. E pensar muito. Enquanto fui conhecendo a vida de Caruso, Ângela e Paty, fui pensando em minha vida, nas minhas relações familiares e em como, mesmo em meio a tantas diferenças, somos capazes de amar incondicionalmente.

Roberta nos conta uma história. Uma história de amor, de família, de diferenças que fazem muita diferença, mas que acima de tudo há o respeito e aceitação dessas diferenças. Família é isso afinal de contas! Amamos a cada um com seus defeitos e qualidades, certo?

O livro é um prato cheio para os amantes de história e política. O enredo é recheado de acontecimentos passados e  recentes. Por se passar na cidade de São Paulo, acompanhamos acontecimentos históricos de nosso país, como os caras pintadas, por exemplo.

Uma coisa que gostei bastante e tornou a leitura dinâmica foi a forma como a autora desenvolveu a estrutura da narrativa. O livro, ora é narrado em primeira pessoa (3 visões diferentes: Caruso, Ângela e Patrícia), ora em terceira pessoa (um narrador misterioso que descobrimos quem é no final). Além de conhecer esses 3 pontos de vista diferentes na história, o texto mescla passado e presente, dando assim, a chance ao leitor, conhecer bem a personalidade de cada personagem.

Me apaixonei por Caruso. Quero um marido igual a ele! Acho que foi com ele que senti mais afinidade, apesar de gostar bastante de Ângela e admirar seu jeito de ser. A construção de cada personagem foi muito bem feita e pude sentir o aconchego do lar.

Essa é uma leitura que super recomendo para todos. A autora, além de nos fazer pensar sobre conceitos familiares, faz uma ótima crítica política e à nossa sociedade. Até eu que não gosto muito de política, comecei a concordar com os ideais de Caruso!

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Classificação
Narrativa
Personagens
Enredo
4.2 Romance

Um livro que nos mostra como encontrar o amor e vivê-lo intensamente mesmo em meio às diferenças.

About The Author

Nerd, Geek, viciada em livros, youtuber, aspirante a jornalista, apaixonada por animais e nas horas vagas tenta ser engraçadinha.