Um Amor Conquistado de Silvia Spadoni (Resenha)

136

Uma história diferente, envolvente, encantadora, que vai te arrancar suspiros e deixar seu coração palpitando!

Sinopse

Ainda criança, Sophia foi levada para a Inglaterra para fugir da perseguição e do terror impostos pela Revolução Francesa. Com medo de ser descoberta, nunca revelou sua origem nobre, mas manteve viva a esperança de reencontrar sua família. Após o falecimento da madrinha, Sophia se vê obrigada a buscar trabalho para sobreviver e, por isso, se candidata à vaga de preceptora de Louise, a sobrinha órfã do conde de Buckington, um nobre conhecido pela sua frieza e arrogância. Uma brincadeira do acaso e ela se vê diante da possibilidade de voltar à França sob a proteção do nobre inglês e de descobrir o que aconteceu com seus pais. Mesmo avisada sobre os riscos, ela decide seguir em frente, ainda que isso signifique fingir ser a noiva do conde de gelo. Edward é um homem frio e arrogante, disposto a qualquer coisa para vingar-se do francês que destruiu seu irmão, até mesmo embarcar para a França em companhia de uma desconhecida apresentando-a como sua noiva. Ele conhece os riscos da empreitada, só não está preparado para os sentimentos contraditórios que invadem seu coração.

Link: Skoob | Comprar: SaraivaSubmarinoAmazon

Resenha

Um amor conquistado é o primeiro livro da trilogia Amores da autora Silvia Spadoni e esse é o meu primeiro contato com a escrita da autora. Também é o primeiro livro que recebo em parceria com a editora Pedrazul. Nada como um romance de época para ajudar a sair de uma ressaca literária e enfrentar as noites frias e solitárias….

Romances de época despertam meu interesse porque são livros que tem todo um clima de contos de fadas, possuem finais felizes e o romance deixa qualquer um com o coração palpitando. Que atire a primeira pedra aqueles que terminaram uma leitura de um desses livros sem estar suspirando. Claro que não estou falando aqui com aqueles que não gostam do gênero.

Para aqueles que gostam, essa é a grande magia dos romances de época. Apesar de todos os clichês que sabemos que encontraremos, do casal protagonista terminar sempre junto independente do que aconteça no livro, nosso coração fica leve, palpitando e podemos sonhar (nem que seja um pouquinho) com um amor igual ao dos livros. Amores arrebatadores que nos conquistam completamente. E é justamente esse tipo de amor, que vai sendo conquistado a cada dia, que Um Amor Conquistado fala.

Sophia de Breteauil é uma jovem francesa que precisou fugir dos horrores que assolaram os nobres na Revolução Francesa. Ainda criança, foi levada por sua madrinha Marguerite para a Inglaterra e precisou esconder suas origens por medo de represálias. Já adulta, após a morte de sua madrinha, Soph se viu diante de problemas financeiros e precisava de um emprego urgentemente. Com a fuga da França, deixou para trás título, dinheiro, propriedades e passou a viver dos trabalhos desempenhados por sua tia. Agora e precisava se sustentar e foi aí que ela resolveu se candidatar à preceptora de Louise, sobrinha órfã de Edwards, o Conde de Buckington, mais conhecido como o Conde de Gelo.

Um amor conquistado

Edwards é um homem marcado pela dor da tragédia e não pensa em manter nenhum relacionamento com ninguém, muito menos em casar um dia. Ele é frio, arrogante e muito belo. Sua presença e imponência é notada onde ele chega.

Sophia sonha em um dia voltar à França para procurar por seus pais, ou ao menos saber qual fim eles tiveram e essa oportunidade surge se ela aceitar se tornar a noiva de mentira do conde para ajudá-lo em uma missão secreta em nome da coroa inglesa. Napoleão está prestes a entrar em guerra com a Inglaterra e Edwards é escalado para servir de espião, mas não é só isso, ele aproveita a oportunidade para se vingar do causador de sua dor mais profunda.

Toda a história se desenrola nessa viagem para a França, pois é claro que nossa mocinha não perderá a grande oportunidade de sua vida! A história é envolvente, os personagens são atraentes e a narrativa é daquelas que te prendem do começo ao fim. Confesso que até gostei do conde, mas quem realmente me encantou foi Sophia. Ela é uma mulher determinada, petulante, decidida, forte, inteligente e destemida. Impossível não se apaixonar por ela!

A única coisa que me fez não dar 5 estrelas para o livro foi o fato de ter achado a história um pouco corrida. Senti falta de um maior aprofundamento no relacionamento do casal e queria ver um pouco mais de personagens secundários. A autora correu um pouco no desenrolar dos acontecimentos e isso me deixou com a sensação de “queria ver um pouco mais, saber um pouco mais”. Mas, a história é muito interessante e vale bem a pena ser lida. E por falar em ler, a leitura é super rápida! Li numa madrugada, pois não dá para parar de ler sem saber tudo o que vai acontecer com o casal.

Apesar de ser uma trilogia, os livros são independentes e pelo que percebi, podem ser lidos separadamente. Se você gosta de romances de época, está aqui mais uma ótima dica para vocês!

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

4 Romance

Uma história diferente, envolvente, encantadora, que vai te arrancar suspiros e deixar seu coração palpitando!

About The Author

Nerd, Geek, viciada em livros, youtuber, aspirante a jornalista, apaixonada por animais e nas horas vagas tenta ser engraçadinha.