Vida de Blogueiro Literário: Seleção de Parceiros das Editoras

1150

Se vida de blogueiro não é fácil, imagine a de um blogueiro literário enfrentando o período de seleção de parcerias com as editoras!

Sempre que posto um vídeo de Caixa Postal no canal é comum alguém comentar coisas do tipo “Você recebe tantos livros. Compra tudo isso? As editoras te enviam?” Não fofolete, eu não compro todos os livros que mostro nos vídeos e sim, a maioria são editoras (ou autores) que me enviam.

Um blogueiro literário precisa de livros par ler e ter material para postar. Não tem como ficar replicando só notícias, pois os leitores querem saber a sua opinião sobre os livros, principalmente os lançamentos das editoras. Nem sempre sobra dinheiro para comprar livros todo mês e é aí que entra a importância dos processos seletivos de parceria.

A grande maioria das editoras que temos aqui no Brasil fazem parcerias com blogueiros. Todo ano (geralmente no final ou início do ano) temos os períodos de seleção de parceria e esse é o período mais angustiante, tenebroso, frustrante e empolgante para um blogueiro. Sim, são sentimentos controversos eu sei. Mas calma que você vai entender o motivo.

Seleção de Parcerias

Não pense você que é só iniciar um blog literário que vai chover editora querendo ser seu parceiro não. Você vai ter que trabalhar um pouco para isso acontecer e principalmente preencher muitos formulários e passar dias angustiantes de espera.

Antes de mais nada, é importante frisar que parceria é uma troca. Eu recebo um livro e em contrapartida tenho que ler, divulgar e fazer resenha do mesmo. É importante também manter sempre o blog atualizado (com resenhas de livros principalmente), escrever textos claros e coerentes, nada de copiar e colar o texto do coleguinha porque isso além de ser crime é muito feio!

O processo funciona assim:

Vida de blogueiro 2A editora divulga nas redes que iniciou o processo seletivo de parceria para o ano.

Você, blogueiro, fã da editora, que sonha em ter parceria com ela pro resto da vida, já começa a se tremer todo só de ver a publicação. Clica no santo link do formulário e já está capaz de enfartar nesse processo.

Ao clicar no link, se depara com um formulário que pergunta até a cor da sua calcinha… Abrindo um parênteses aqui para falar uma coisa: sério… tem umas perguntas muito desnecessárias minha gente! Coisas nada a ver. E a pergunta que mais odeio responder é: “Por que você quer ser nosso parceiro?” Alou editora querida, isso já não está meio óbvio não?

Certo, formulário respondido e enviado. Agora vem a pior parte de todas. A espera. Sentar e esperar o dia que sai o resultado da seleção. Nesse período, que demora geralmente de 20 a 30 dias, você já roeu todas as suas unhas milhares de vezes, já abriu as redes sociais da editora milhares de vezes… vai que eles resolvem soltar o resultado antes, né? E já está parecendo um zumbi porque não dorme direito de tanta ansiedade. E chega o grande dia da divulgação do resultado…

Não sei se o pior é a espera ou o dia do resultado. Parece que o pessoal do marketing adora nos fazer sofrer. Se o resultado sai no dia 30, custa soltar logo de manhã? Não… eles nos torturam até o último minuto do horário de trabalho deles e só divulgam o resultado a noite, para nosso desespero completo. Acho que a cada tuíte que eles recebem com um “oi pessoal, cadê o resultado?” eles dão uma gargalhada maligna e dizem “sofram mais um pouco mortais!”…

O resultado finalmente sai e você não sabe se olha ou se deixa pro outro dia. Você já está suando frio, se tremendo e tendo um piripaque. Aí você decide olhar a lista… olha nome por nome procurando o seu ali… E você pode passar do inferno ao céu em segundos, ou pode se afundar completamente em uma depressão profunda pelo decorrer do ano!

Acabou! E agora?

Se seu nome está na lista é uma alegria sem tamanho. Você grita, chora, se descabela e comemora com os amigos. Se seu nome não está lá… vocêVida de blogueiro 3 chora, grita, se descabela e começa a se perguntar por que…  Uma verdadeira montanha russa de emoções! Só quem passa por esse processo sabe do que estou falando.

Passada toda essa agonia você tem dois caminhos:

  • Aprovado: Receber os livros, ler, resenhar, divulgar os lançamentos;
  • Reprovado: Trabalhar mais duro para conseguir no próximo ano.

E assim é o processo todos os anos. Mas, será que vale mesmo a pena ter parcerias com editoras? Esse é um assunto que abordarei em um próximo texto.

Total 2 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

About The Author

Nerd, Geek, viciada em livros, youtuber, aspirante a jornalista, apaixonada por animais e nas horas vagas tenta ser engraçadinha.