Uma promessa e nada mais da Mary Balogh

312

“Uma promessa e nada mais” da Mary Balogh é uma obra melancólica porém de uma beleza incrível. Eu amei acompanhar o desabrochar do amor desse casal.

Sinopse

QUINTO VOLUME DA SÉRIE CLUBE DOS SOBREVIVENTES.
Ralph Stockwood sempre se orgulhou de ser um líder nato. Mas, quando convenceu os amigos a lutarem com ele nas Guerras Napoleônicas, nunca imaginou que seria o único sobrevivente.
Mesmo atormentado pela culpa, Ralph precisa seguir em frente, arranjar uma esposa e garantir um herdeiro para seu título e sua fortuna.
Desde que a participação de Chloe Muirhead na temporada de Londres terminou de forma desastrosa, ela aceitou a possibilidade de ser, para sempre, uma solteirona. Para escapar da própria família, a moça se refugia na casa da madrinha de sua mãe. Lá, conhece Ralph.
Ele precisa de uma esposa. Ela não acharia ruim encontrar um marido. Então Chloe sugere que os dois se casem, por conveniência. A condição é uma só: Ralph precisa prometer que nunca a levará de volta a Londres.
Mas, de uma hora para outra, as circunstâncias mudam. E logo fica claro que, para Ralph, o acordo foi apenas uma promessa e nada mais…

Resenha

“Uma promessa e nada mais” é o quinto volume da série “O clube dos Sobreviventes” e apesar de citar os outros personagens da série, é possível ler os livros fora de ordem, porém, recomendo que leia na sequência para uma melhor experiência de leitura.

Diferente dos outros livros da série, a história de Ralph e Chloe carrega uma carga dramática muito maior que nos outros. A trama é mais densa, melancólica, seguindo fielmente os sentimentos e o estado mental dos protagonistas.

Eu virei ainda mais fã da Mary Balogh, pois a autora conseguiu me fazer mergulhar na mente dos personagens e me ambientar ao romance de tal modo que me senti sufocada em alguns momentos, como se houvesse um peso pressionando meu peito.

Ralph é atormentado por uma forte culpa. Os 3 melhores amigos dele morreram na guerra, ele presenciou tudo e foi o único que sobreviveu. Em sua mente perturbada ele acredita ser o responsável por suas mortes, já que ele os convenceu a ir para a guerra.

A culpa se transformou em depressão e houveram algumas tentativas de suicídio. A partir daqui você pode imaginar um personagem que acredita ser incapaz de amar ou oferecer qualquer tipo de sentimento para as pessoas.

O amor nasce de forma sutil e é belo de se ver

Esse livro é o mais diferente dentre todos que já li da autora. Nele não temos um romance fofinho, cheio de cenas de arrancar suspiros mas terminei a leitura de coração aquecido. Ambos os protagonistas possuem feridas e desistiram do amor. O casamento acontece a partir de um acordo e eles se sentem felizes com isso. Ou acham que estão.

Acompanhamos uma união repleta de respeito, amizade, mas nada de romance. Aliás, a noite de núpcias deles me deixou sem saber o que sentir. Tudo condizente com os sentimentos do casal. Foi lindo e triste de ler.

E o fato do livro não ser cheio de cenas românticas não diminui sua beleza. Pelo contrário. É uma das histórias mais profundas, onde me vi torcendo para o casal descobrir que se amavam, algo tão evidente para nós leitores. Senti a intensidade dos sentimentos deles em cada página virada.

“Uma promessa e nada mais” é uma obra melancólica porém de uma beleza incrível. Eu amei acompanhar o desabrochar do amor e só não dei cinco estrelas porque achei algumas coisas um pouco repetitivas. A cereja do bolo é a aparição dos Bedwyns no final. Livro mais do que recomendado!

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

4 Romance

"Uma promessa e nada mais" da Mary Balogh é uma obra melancólica porém de uma beleza incrível. Eu amei acompanhar o desabrochar do amor desse casal.

About The Author

Escritora, Geek, amante dos livros, youtuber, apaixonada por animais e não larga uma xícara de café.